Upload resources

Upload your works to SEDICI to increase its visibility and improve its impact

 

Show simple item record

dc.date.accessioned 2011-04-11T18:34:32Z
dc.date.available 2011-04-11T03:00:00Z
dc.date.issued 2010 es
dc.identifier.uri http://hdl.handle.net/10915/16872
dc.description.abstract Coprólitos são fezes fossilizadas e petrificadas, de animais pré-históricos e têm auxiliado os pesquisadores à reconstituir paleoambientes, hábitos alimentares e comportamento de diversas espécies. O objetivo do trabalho foi descrever as características morfológicas de 13 coprólitos de dinossauros do final do período Cretáceo, depositados na coleção do Complexo Cultural e Científico de Peirópolis/UFTM, Uberaba/MG e avaliá-los através de exames histoquímicos. Foi realizada a documentação fotográfica, observada a coloração, avaliado o peso em balança de precisão, feita a morfometria através do paquímetro de precisão e a análise química através do teste colorimétrico de cálculo renal, BIOCLIN. Verificou-se que havia presença de urato, cistina, carbonato, oxalato, fosfato, cálcio, magnésio e amônia. Para a análise histoquímica foi realizada a coleta das amostras de coprólitos, que foram diluídas em água destilada e soro fisiológico, posteriormente a lâmina foi colocada na estufa para secagem por 10 minutos e realizada a coloração histoquímica em lugol, mucicarmim e Hematoxilina Eosina, e em seguida analisada ao microscópio de luz comum. Através da histoquímica foi possível observar que as 13 amostras de coprólitos não apresentaram vestígios de restos alimentares e parasitas. A partir da análise química dos 13 coprólitos estudados, foi observado que para 8 amostras o oxalato apresentou pouca coloração, em 10 amostras foi encontrado carbonato e em 3 amostras obtevese pouca coloração para cálcio. Conclui-se que com a utilização da técnica para cálculo renal, apenas foi encontrado carbonato de cálcio nas amostras provenientes do Ponto I do Price/Peirópolis, Uberaba/MG, estes achados estão em consonância ao esperado, pois as litologias siliciclásticas e químicas da Formação Marília tem um forte componente de CaCO3, responsável maior pelo processo de permineralização da assembléia fóssil presente nestes jazigos. es
dc.language pt es
dc.title Análise histoquímica de coprólitos de animais do Cretáceo coletados nos Pontos I e II do Price, Peirópolis, Uberaba, Minas Gerais, Brasil es
dc.type Objeto de conferencia es
sedici.creator.person Ferraz, P. F. es
sedici.creator.person Cunha, I. C. es
sedici.creator.person Silveira, L. A. M. es
sedici.creator.person Cardoso, D. T. es
sedici.creator.person Oliveira, G. F. es
sedici.creator.person Ramalho, L. S. es
sedici.creator.person Ribeiro, L. C. B. es
sedici.creator.person Teixeira, V. P. A. es
sedici.subject.materias Ciencias Naturales es
sedici.subject.materias Paleontología es
sedici.description.fulltext false es
mods.originInfo.place Facultad de Ciencias Naturales y Museo es
sedici.subtype Objeto de conferencia es
sedici.date.exposure 2010 es
sedici.relation.event X Congreso Argentino de Paleontología y Bioestratigrafía-VII Congreso Latinoamericano de Paleontología es
sedici2003.identifier ARG-UNLP-DIS-0000001112 es


Files in this item

There are no files associated with this item.

This item appears in the following Collection(s)